02 junho 2016

[RESENHA] PARA TODOS OS GAROTOS QUE JÁ AMEI

Lara Jean guarda suas cartas de amor em uma caixa azul-petróleo que ganhou da mãe. Não são cartas que ela recebeu de alguém, mas que ela mesma escreveu. Uma para cada garoto que amou — cinco ao todo. São cartas sinceras, sem joguinhos nem fingimentos, repletas de coisas que Lara Jean não diria a ninguém, confissões de seus sentimentos mais profundos. Até que um dia essas cartas secretas são misteriosamente enviadas aos destinatários, e de uma hora para outra a vida amorosa de Lara Jean sai do papel e se transforma em algo que ela não pode mais controlar.

Autora: Jenny Han 
Editora: Intrínseca
Páginas: 355
Olá, tudo bom? Faz bastante tempo que não dou as caras por aqui, pois mês passado foi bem complicadinho mas prometo que este mês estarei mais presente. O livro que irei criticar hoje é o novo queridinho entre os queridinhos: Para todos os garotos que já amei.

Eu comecei a leitura sem nenhuma expectativa(como sempre), só estava esperando algum romance clichê daqueles que acontecem mil coisas que não acontecem na nossa realidade. É aí que Jenny Han com sua bela escrita/criatividade tacou na minha cara que eu estava errada. Este livro é incrivelmente perfeito, e coisas incríveis são difíceis de explicar detalhadamente, mas irei me esforçar.

Lara Jean é uma adolescente bem diferente das que costumamos ver, até porquê não é comum vermos garotas escrevendo cartas de despedidas e guardando para si mesma, assim se livrando de mais uma paixão. Sim, é exatamente isto que você leu, ela escreve uma carta de despedida para todos os garotos que um dia ela já amou. Ela já escreveu cinco cartas endereçadas para todos estes garotos, porém ela não envia, ela simplesmente guarda para si mesma. Margot é a irmã mais velha de Lara Jean, é exemplar e na visão dos personagens, a garota perfeita. Ela namora Josh, que é amado por todos também e foi uma das paixões de Lara Jean também, tem sua carta feita. Kitty é a irmã mais nova, a mais maravilhosa de todas, todos deveriam ter uma irmã como esta haha!

Estava tudo bem no começo do livro, todos levando uma vida normal, porém chegou o momento em que Margot teria que ir estudar bem longe. Ela termina com Josh, o que faz com que fiquem todos de queixos caídos. Quando ela vai embora, Josh fica péssimo pela falta que sua ex faz e isso acaba fazendo com que ele e Lara Jean se aproximem. 

E então as cartas desaparecem misteriosamente. Como elas poderiam sumir se estavam escondidas em um lugar que só ela mesma conhecia? Isso só será revelado no final do livro. O pior nem é elas sumirem, é o fato delas terem sido enviadas para os cinco garotos nos quais as cartas estavam endereçadas. A primeira atitude que ela toma é evitar Josh, pois ele é ex da irmã dela e sempre considerou ele um grande amigo da família. Peter Kavinsky(sim, o maravilhoso do livro) procura ela para perguntar sobre a carta, que por sinal, ela escreveu coisas absurdas sobre ele nela.
Lara Jean foi pega de surpresa na escola por Josh, que eu me lembre ela estava no armário e ele apareceu, e então ela acaba inventando uma desculpa esfarrapada: diz que não gosta mais dele e que está namorando. É claro que ele pergunta quem, e ao se virar aponta e sai correndo em direção à primeira pessoa que ela vê... Peter Kavinsky. Ela dá um imenso abraço nele(mais parecido com um salto) e por impulso, rouba um beijo dele para convencer Josh que ela estava realmente namorando ele, que por um momento, retribuiu seu beijo. Após certificar que Josh viu todo o ocorrido, ela olha para Peter, agradece e sai.

Aí a confusão será com Peter, que depois tira satisfação daquilo. No desenvolver do livro, é possível ver o desenvolvimento dos personagens, entre eles Josh, Kitty e até Margot, mesmo estando longe. Lara Jean e Peter fingem um namoro cheio de regras e limites, tudo isto com um(dois) únicos objetivos: Peter fazer ciumes em Genevieve(sua ex-namorada) e Lara Jean convencer Josh que está de fato namorando. O problema é que com esta aproximação dos dois, eles acabam tendo sentimentos um pelo outro, o ciúmes é um exemplo. Peter não gosta que Lara Jean pegue carona com Josh por ela ser "namorada" dele e ela não gosta que Peter faça coisas maravilhosas para no fim sempre demonstrar que ainda sente algo por Genevieve.

Os dois são um casal apaixonante, apesar de dar muita raiva de Peter em algumas partes do livro. Kitty pra mim é uma das melhores personagens, melhor irmã hahah! Eu definitivamente amei o livro, quero muito ler a continuação e ver o que irá acontecer, porquê este final foi de arrebentar com os sentimentos de qualquer um. 

Beijos, espero que tenham gostado!


7 comentários:

  1. Já li esse livro e gostei bastante, é muito amorzinho, gosto dessa leitura simples e fácil para distrair. Preciso comprar o segundo livro.

    ResponderExcluir
  2. Oioi! Tudo bom? Sou absurdamente apaixonada por este livro, porém, nunca tive a oportunidade de lê-lo. Confesso que o que me encantou de verdade foi a capa, espero que alguém me presenteei com o mesmo algum dia kkkkk <3 Beijos! Amei sua resenha! Parece até aqueles filmes comédia adolescente!
    www.julianices.com

    ResponderExcluir
  3. Genteeeeeeeee, que livro gostoso :3
    Juro que evito livros assim por serem adolescentes e tal, mas adoro essas tretas :3
    Me lembrou muito os livros da Meg Cabot (eu amaaava essa molier quando era mais nova <3)
    Não é mais o tipo de livro que leio, mas bateu uma curiosidade, quem foi o safadão que enviou as cartas???
    Acho que vou ler só p/ sanar essa dúvida XDDD
    Gostei da resenha, minha curiosidade foi lá p/ o alto ;)
    Bjoo :**
    Nerd de Pijama

    ResponderExcluir
  4. Eu queria ter gostado mais desse livro quando li, conheço muita gente que amou, mas teve muita coisa na leitura que me incomodou. ☹️
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  5. Já conhecia o livro e quero muito ler, tem cara de ser uma leitura super leve e fofa. Gostei da resenha.

    Beijos:*

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem? Já li algumas resenhas sobre esse livro e todas bem positivas. Acredito que seja uma leitura que prende a atenção do leitor e o envolve ao mesmo tempo, quando vemos, já estamos no fim. Desde a primeira vez que o vi na livraria fiquei curiosa para lê-lo pois achei a capa bonita rs Gostei muito da sua resenha. Beijos, Érika :)

    ResponderExcluir
  7. Eu li esse livro e até fiquei entretida, mas pra mim foi só uma decepção, e olhe que eu amo romances água com açúcar kkk mas pra mim a Jenny Han gosta só de enrolação. Já é o segundo livro dela que leio e não vou atrás da continuação :/

    ResponderExcluir